[Ajuda] Como calcular o raio de um pedaço de circulo
 [Ajuda] Como calcular o raio de um pedaço de circulo
_SM0KE_

Assassino
0 Referências
Posts: 7541
Registro: 28/12/04
Pomerode - SC

Postado em: 23/03/13 15:15
Boa tarde

Ja pesquisei no google e nao consegui achar resposta, nos meus livros do tecnico tinha mas nem faço ideia de onde estejam, entao recorri a voces :D

Na minha empresa reformamos peças como a da figura abaixo, um rotor de pulper:





A peça tem aproximadamente 2 metros de diametro, e se voces repararem as 6 pontas sao em raio, eh um raio continuo, o qual eu preciso descobrir, lembro que ja estudei como se faz mas nao consigo lembrar =x

Tem algum fera em geometria ai pra me ajudar? ^^
 
amnesiac

Esquilo
0 Referências
Posts: 1605
Registro: 11/12/05
Natal - RN

Postado em: 23/03/13 19:42
Não seria mais fácil olhar o manual da máquina onde esta peça vai e ver qual é a medida dela?

Pergunto isto porque, sem saber onde fica o centro dos raios que são as pontas deste rotor, vai ficar complicado de calcular o raio. Eu, pelo menos, não sei como fazer isto a não ser utilizando as mediatrizes do triângulo inscrito nesta circunferência. Só acho que este método pode acabar afetando demais a precisão da medição.

Eu também sugeriria utilizar um gabarito de raio, mas imagino que eles não sejam feitos numa tamanho assim tão grande.
 
Duley

Lenda
3 Referências (100.00% positivas)
Posts: 6694
Registro: 02/08/03
Limeira - SP

Postado em: 23/03/13 19:50
Quem é vivo sempre aparece ;)
 
Presuntinho

Avatar
0 Referências
Posts: 466
Registro: 11/12/03
Itabira - MG

Postado em: 23/03/13 20:52
Se eu não me engano (segundo umas contas doidas q fiz aqui)
R= r/2 + L^2/(8*r)

Onde r = raio do circulo central (o de encaixe da ferramenta, mas tem aquele gap entre esse encaixe e a lamina da hélice, q tb deve ser somado)
L = Distância entre as pontas de duas hélices opostas


Eu tentei ver as hélices como dois segmentos de circulos q quando prolongados se encontram e a distância entre eles é o encaixe da ferramenta.
Dá uma olhada ae...

Flw



Editada em: 23-03-13 20:54:05 por Presuntinho.
 
amnesiac

Esquilo
0 Referências
Posts: 1605
Registro: 11/12/05
Natal - RN

Postado em: 23/03/13 21:03

Eu tô tentando entender este problema, pois achei ele muito interessante, mas não consegui comprender a tua explicação, Presuntinho. Além, disso, esta não é uma suposição muito forte? Eu não entendo nada de ferramentaria, mas esta curvatura das lâminas (no caso, a circunferência imaginária que cada uma delas determina) não pode ser variável de rotor a rotor? Digo, alguns tem lâminas mais "fechadas", com raios menores e curvaturas maiores, e outros lâminas mais "abertas", com raios maiores e curvaturas menores, quase fazendo um segmento de reta?

 
Presuntinho

Avatar
0 Referências
Posts: 466
Registro: 11/12/03
Itabira - MG

Postado em: 23/03/13 21:42


Pode até ser...mas com as informações dadas por ele e pela imagem acho q são suposições válidas.

Se não tiver como assumir nada fica bem difícil resolver...
A melhor forma é achar o catálogo do fabricante, sabendo ainda q essas peças são patenteadas.


No caso das laminas "retas" o problema para de existir e caso elas sejam mais "fechadas" elas ainda tendem a se encontrar em algum ponto, o problema é q agora elas não mais tangenciariam o circulo central da ferramenta no ponto de maior distância do setor circular imaginário sendo necessário uma análise mais complexa pra determinar a altura r.

Eu não entendo muito de ferramentaria tb, mas se for pra replicar a peça a maneira mais fácil seria com um scanner 3D...rsrsrs

edit: olha esse link aqui q achei q dá pra entender o q eu fiz:
http://www.mathopenref.com/arcradiusderive.html

Editada em: 23-03-13 21:45:50 por Presuntinho.

 
VIP OURO FolhadeOutono

Lenda
14 Referências (100.00% positivas)
Posts: 480
Registro: 07/06/07
Varginha - MG

Postado em: 23/03/13 21:53
pegou desprevenido, agora não conseguiria nada para te ajudar, se ate segunda este "problema
" ainda estiver aqui talvez posso tentar dar uma ajuda, se vcs tivessem uma tridimensional óptica, claro que resistente e grande para aguentar uma peça de 2m e sei lá quantos kg, seria coisa rápida.

"Quem não sabe pra onde quer ir, nenhum vento aproveita..."

- Máxima dos velejadores
 
amnesiac

Esquilo
0 Referências
Posts: 1605
Registro: 11/12/05
Natal - RN

Postado em: 23/03/13 21:56

Verdade. Agora entendi a tua suposição e as tuas contas.

No mais, concordo contigo. Sem fazer suposições a respeito da peça ou fazer medições na curvatura da lâmina, o problema é impossível de resolver.

 
_SM0KE_

Assassino
0 Referências
Posts: 7541
Registro: 28/12/04
Pomerode - SC

Postado em: 30/03/13 05:16
Passando aqui antes do trampo pra agradecer a ajuda hehehe

O link eh muito bom, eh exatamente esta a forma q eu conhecia e nao conseguia lembrar.

Sobre quem perguntou do tridimensional, eh um investimento meio alto e como nao seria util o tempo todo nao temos

Sobre o manual do fabricante, temos 2 rotores destes que foram fundidos ha uns 12 anos, está sempre um no pulper e um reserva, ele sempre desgasta nas costas das pontas dos raios, ai tiramos, montamos o reserva e enchemos o desgastado com solda e lixamos pra dar acabamento. Acontece que com mudanças implantadas no motor e no proprio pulper, temos que aumentar o diametro do rotor, e pra isso eu estava tentando achar o raio correto.

Muito obrigado, vcs sao foda :)