Report - top4 de DDFT na Domain
 Report - top4 de DDFT na Domain
Potira

Ancião
0 Referências
Posts: 8053
Registro: 27/01/06

Postado em: 25/04/11 02:20
Olá, senhores.

Estou escrevendo esse report porque semana passada um lindo ai ficou me estorvando sobre como jogar de Doomsday. Como eu ia escrever a respeito no MSN, achei mais razoável fazer um texto mais estruturado. Desse modo, se mais alguém tiver interesse no deck ou sei lá, podemos desenvolver a discussão.

A lista foi a seguinte:

4 Brainstorm
4 Ponder
4 Sensei's Divining Top

4 Doomsday
4 Infernal Tutor
1 Ill-Gotten Gains
1 Meditate
1 Tendrils of Agony

2 Cabal Ritual
4 Dark Ritual
4 Lion's Eye Diamond
1 Lotus Petal
1 Rain of Filth

3 Duress
4 Orim's Chant

1 Bayou
3 Flooded Strand
1 Island
3 Misty Rainforest
4 Polluted Delta
1 Scrubland
1 Tropical Island
1 Tundra
2 Underground Sea

1 Chain of Vapor

Sideboard:

3 Xantid Swarm
3 Carpet of Flowers
1 Hurkyl's Recall
2 Echoing Truth
2 Krosan Grip
1 Shelldock Isle
1 Emrakul, The Aeons Torn
1 Reverent Silence
1 Deathmark

A lista foi criada por uns alemães, a partir de umas versões mais antigas propostas pelo emidln na Source. Eu dei uma estragada no sideboard e optei por uma Chain o Vapor no MD no slot livre, pra ter como ganhar de aleatoriades no G1, principalmente desses Gadock Teegs que todo mundo tem usado.

Normalmente o povo usa 4 Xantid Swarms, mas eu me sinto confortável com 3, dado que Orim's Chant já é absurdamente forte no matchup.

Estou fazendo o report de cabeça. Tenho as anotações de vida e um par de palavras por game. É provável que alguma coisa saia inventada. Como a intenção não é pagar de gatinho, mas sim apresentar o deck, acredito que minhas eventuais mentiras não venham a atrapalhar muito.


O torneio teve 32 jogadores. Cinco rodadas com corte pra top4.

Rodada 1 (Daniel Lajb, de Green and Taxes)

Ele ganha no dado e faz um Vial, e segue Gaddock Teeg no turno 2. Eu começo a arrumar minha vida com Tampo. Minha mão, na verdade já era muito boa. Terrenos, Doomsday, Cabal Ritual, Tampo. Eu ativo o tampo procurando por terrenos, rituals, LEDs e/ou maneiras de atingir o limiar, pra conseguir combar em cima do Gadock dele.

Voltando ao jogo, eu não encontrei o que precisava, mas achei Chain of Vapor no topo. No turno seguinte, ele tinha 2 marcadores no Vial. Isso me deixava com medo de Qasali Pridemage.

Mais um turno e ele não coloca marcador no Vial, mas faz outro, baixa uma Karakas e alguma criatura.

Eu procuro mais um pouco de terrenos com o Tampo, para compensar pelas Wastelands, enquanto espero a oportunidade. No turno seguinte, Ele coloca marcadores nos dois Vials (1 e 3), faz uma Jitte e tenta equipar.

Em resposta, eu volto o Teeg pra mão, desviro e ganho com uma pilha simples:

Meditate
Petal
LED/Ritual
LED/Ritual
Tendrils


O sideboard foi estranho. Eu vi que ele estava colocando para dentro 4 cartas. Certamente tinha alguma Canonista no side, então não deveria ter Mindbreak Trap (quem usa, costuma usar 4 delas). Com isso, tirei os Chants e coloquei Bounces e Deathmark. Hurkyl's Recall é semi útil contra Canonistas e Vials.

No jogo 2, eu mulligo a 6 e vou com uma mão decente ainda que arriscada. Um terreno, Brainstorm, Doomsday, Bounces, Xs. Esse é o tipo de mão que me faz desconfiar um pouco dessa lista. Pra ganhar de DD, você precisa de uma cantrip. Quando você tem uma só na mão e precisa de terrenos pra jogar, corre o sério risco de trocar um problema por outro.

Eu até tinha uns bounces e business na mão, mas como demorei até achar uma cantrip, tive que usar bounces pra ganhar tempo contra as criaturas dele.

Eu fiz as contas pra ganhar mais um turno com 2 de vida, que é o que precisa pra ganhar de DD. Minha mão tinha DD e Meditate, e eu tinha 3 terrenos. Se eu compro um Cabal Ritual, dava pra tentar alguma gracinha, mas provavelmente não ia ter jeito pois os Pridemages impediriam qualquer coisa com dois LEDs ou dois Tampos.

No fim das contas, perdi pra uma Canonista e dois Pridemages antes de conseguir resolver minha quarta mágica no jogo.


Logo cedo no jogo 3, eu achei dois Cabal Rituals e meu oponente achou um Gadock Teeg. No turno seguinte, ele fez uma Madre das Runas. Me livrei dela com Deathmark, para garantir que o Teeg pudesse ser removido no futuro, via aquela pilha mostrada lá em cima. Eu precisava arranjar limiar logo pra combar, mas o deck continuava me dando coisas caras, então o processo foi demorado.

A situação evoluiu através Wastelands para um quadro onde eu estava enfrentando dano letal na mesa. Eu tinha Tampo, dois terrenos, dois Cabal Rituals, Doomsday, Brainstorm e Ponder. O problema é que eu não tinha acesso a mana azul.

Fiz ambos os Cabal Rituals pra BBBBBBBB. Ativei o Tampo pra tentar achar um terreno no topo. Jamais encontrará.


Então quebrei a cabeça e, juro, chutei uma pilha na hora. Eu tinha a impressão intuitiva que estava fazendo a coisa certa, mas sem convicção alguma.
joguei o DD e escolhi:

Lotus Petal
LED
Meditate
Dark Ritual
Tendrils

Com o tampo, eu comprei Petal. Dai fiz o Brainstorm, devolvendo Ponder e o Meditate em cima. Joguei LED e Tampo. Com BBBUUU na reserva, fiz o Meditate, comprei o deck todo, Dark Ritual(UBBBB), Tampo e Tendrils.

Essa pilha só foi possível porque Tampo é coisa linda de deus e não diminui a quantidade de cards na pilha. Isso permitiu que eu fizesse o Meditate mesmo depois de usar dois cards pegos com Doomsday (Petal e LED). Caso contrário, precisaria de Ideas Unbound no deck ou simplesmente perderia esse jogo.

O terceiro game evidenciou a resposta de uma pergunda que é feita com bastante frequência sobre o deck. Por que Deathmark e não Slaughter Pact? A resposta é a que ambos tem vantagens e desvantagens.É possível que eu tivesse perdido esse jogo se usasse Slaughter Pact por não ter manas para matar a Madre enquanto enjoada. A vantagem do Deathmark é exatamente a de ser útil quando vem na mão durante o jogo. Ele compra tempo e pode garantir que você tenha os turnos que precisa pra que o Tampo exerça sua função. Durante a pilha, em si, não faz muita diferença. A pilha não custa menos por causa do Pacto. Você continua precisando de 2UB após o Meditate.

Outro aspecto é que você não precisa decorar todas as pilhas pra jogar. Uma vez que você entende as relações entre os recustos que tem à disposição (manas, cartas na mão, no cemitério, storm, vida), consegue improvisar.

1-0, 2-1


Rodada 2 (Thiago, Merfolk)

Eu resolvo um Tampo e ele resolve um Cursecatcher. Ele começa a me bater com o 1/1 e manlands. Eu escolho minha mão até ter 4 de vida. Então faço dois Chants e ganho com uma pilha simples de Meditate.


O jogo 2 não envolveu momentos muito interessantes. Eu resolvi um Tampo. Ele fez um Commander e uma Pausa. Eu tinha um monte de tudo. Fiz um Duress que não tirou nada. Ganhei em seguida.



Rodada 3 (Jorge, de GW)

Eu abro Tampo, DD, Dark Ritual, LED e terrenos. Ele joga primeiro e faz um Student of Warfare. Eu baixo o Tampo e ganho na volta se ele não fizer nada estranho. Ele não faz.

(Meditate, Ritual, Ritual, IGG, Tendrils)

O segredo dessa pilha é não fazer o Tampo de novo antes do IGG. Caso contrário, você não terá o mana inicial para fazer os Rituals logo após. Descarte-o e pegue de volta.



Faço o sideboard parecido com o da primeira rodada. Ele começa igual, com um Student of Warfare e dando level ups. Eu abro uma mão de seis lenta e sem bounce, mas consigo ir adiante e combar no turno crítico. Infelizmente, eu não consegui fazer uma pilha com mana ou espaço para colocar Chain of Vapor ou Deathmark, mas como ele me deixa ir combando eu fico tranquilo. Com a Tendrils na pilha, ele vira o Vial e me mostra um True Believer.


No terceiro jogo, eu tenho problemas com terrenos. Ele não deicou por menos. Bateu com um Teeg exaltado, e logo o Pridemage se juntou à festa. Eu passei por um aperto. Fiz um Ponder e vi tudo que precisava no topo. Tinha Bayou, ilha, uma fetchland que eu não queria sacrificar. Na mão tinha uma Krosan Grip, que eu pretendia usar no Vial dele para evitar surpresar. Ele desvira e destrói meu Bayou.
Eu não consegui pensar numa forma de combar sem a carta do topo, um LED, acho, então deixei resolver a Waste com cara de bosta. Em seguida ele baixou outra e fez um Revoker.

Eu comprei um card em resposta com meu Tampo, que tive que o comprar no turno seguinte por causa da Wasteland ativa ameaçando o que seria minha única fonte de preto.

Então aconteceu uma situação notável. Rain of Filth e um Cabal Ritual estavam na minha mão. Eu tinha 4 card no cemitério, e, por conta de um Ponder, sabia que o topo do meu deck eram 2 outros Tampos. O único terreno desvirado que ele tinha era uma Wasteland. Estourei a fetch pra mudar o topo na minha manutenção. Ele, ainda nessa etapa, destruiu minha dual. Respondi com Chuva de Imundice. Na fase principal, eu adicionei UB, virando e sacrificando a Ilha. Em seguida fiz Cabal Ritual com exatas sete no cemitério, e segui com LED, Doomsday, tendo um Infernal Tutor na mão.

(Meditate, Petal, Dark Ritual, Dark Ritual, Tendrils)

Em seguida, Tutorei por Meditate, comprei o resto das cartas e ganhei o jogo.



3-0 6-2

Rodada 4 (Victor de Merfolks)

No jogo um, ele mulliga a cinco e eu a seis. Turnos depois, enquanto minhas cantrips não acham nada, ele acha o terceiro terreno e me comba de storm.Funciona assim. Reejerey, vai. Reejerey, Cursecatcher, Coralhelm Commander, Lord of Atlantis, desviro essa ilha+ Mutavault e bato 5.

Morri na volta, vários Ponders e Brainstorms depois, mas ainda sem achar terrenos ou rituais.

Fiz aquele sideboard lá de cima.

Ele abre explosivo. Dá Fow num Duress e volta de Vial. Com 15 de vida, eu resolvo Xantid Swarm. Ganho na volta, com 6 de vida.



No jogo 3 eu faço a maior cagada que percebi neste torneio*.

Eu abro de Carpet of Flowers. Ele lê e nem pensa duas vezes antes de mandar uma FoW. Justo. Eu ia adicionar o mana na segunda fase principal (essa putaria faz com que Carpet seja o Melhor. Ritual. Do. Mundo.) pra fazer Tampo. Ele volta de algum Merfolk de UU, acho. * Eu desviro e, antes de fazer o terreno, faço um Duress. Eu tinha um Bayou na mesa e um Underground na mão que era muito mais importante, pra resolver . Eu lembro de pensar em fazer o Duress antes para ver se ele tinha alguma Wasteland guardada. Tomei um Daze. Minha mão nesse momento era Infernal Tutor, LED, LED, Chant.

Passei o turno. Apanhei na volta. Comprei e fiz Tropical Island. Eu não tinha como combar por causa da Fow no cemitério dele e estava confiante que ganharia assim que conseguisse mana pro Chant.

Quase isso. No turno seguinte o deck me deu uma puta força fornecendo a única Petal. Petal, Orim's Chant, com 3 terrenos na mesa, LED, LED, IT na mão.

Divert.

Ha!

Se eu tivesse jogado direito e baixado o terreno antes de fazer o Duress, teria retirado o Divert e ganhado neste momento através do Daze.

O deck ganhou. Quem perdeu foi o piloto. Marca uma na minha conta, lá.

3-1 7-4

Rodada 5 (Luiz, de Green and Taxes)

O game 1 foi tudo que há de desonesto nesse tal de Magic. Ele fez umas criaturas lá, acho que Stoneforge Mystic, sei lá. Eu baixei o 4º terreno, fiz Cabal Ritual pra BBB, Doomsday, com um Brainstorm na mão.


Sideboard naquele esquema lá.

Eu não lembro de game 2, mas mulliguei e tive o carro passado por um monte de ursinhos do mal.

No game 3, ele não tem Vial, e começa a me espancar com uma Canonista Exaltada. Eu vou naquelas de fazer um Ponder por turno até que estou com tudo pronto. Bounce no turno dele, desviro e combo com medo de um Mindbreak Trap aleatória. Ele não tem e então eu ganho com Rain of Filth dando mais uns 4 manas.
Na real, acho que se aqui fosse um Cabal Ritual não faria muita diferença, mas posso estar errado porque não precisei me atentar ao limiar.


4-1, 9-5



Top4, (Denis, Elf combo)

Minha mão tinha Tampo, Ponder, BS, Terrenos e Duress. Eu não sabia do que ele estava, e a mão era honesta. Ele rola 6 no dado, e começa de mana Elfinho aleatório. Eu faço um Duress e tiro um Summoner's Pact. A única outra opção era Genesis Wave, que eu achei que ele ia demorar um pouco pra fazer ainda.

Bom, meu tampo do turno 2 não acha nada. No turno 2 dele, em compensação, ele começa a multiplicação dos Gremlins. Eu sinceramente subestimei a capacidade do deck dele de fazer aquilo. Eu tinha um chant que deixei pra dar no turno 3, mas pqp, comecei a caçar até por fetchland pra fazer chants kickados.

Não achei a fetch, não kickei o chant e no turno 3 ele bate 11. Eu ainda não acho nada e morro.

As opçoes que eu tive no jogo foram tirar a Genesis Wave no turno 1 e dar chants nos turnos 2 e/ou 3. Deu tudo errado. Talvez eu tivesse que ter dado o Chant no turno 3, mas ele tinha tão pouca carta na mão que só virando loucamente na Wave eu estaria com problemas... Pois bem, ele revelou Symbiote, dois Visionários e Nettle Sentinel, e prosseguiu pra fazer mais umas oito mágicas nesse turno. Lição boa para o futuro.

O MD era bastante forte contra o deck dele. Acho que coloquei Emrakul e Shelldock Isle pra dentro, só.

Mulligo a 3. A mão de 7 era capaz de combar de Belcher no primeiro turno, mas sem nada onde gastar. Dai em diante, nunca mais vejo terrenos nas mãos. A de 3 era até promissora. BS, DR, Emrakul. Eu precisava achar um Underground Sea, a partir dele um Doomsday no BS pra tentar ganhar.

Ele faz um elfo qualquer.
Eu não compro terrenos.
Ele faz um Thorn of Amethyst. -Haha, pinto de cachorro- ri o Nuclear
Eu compro Scrubland.
Ele faz um Glimpse pagando 2 e ENCHE a mesa.
GG

4-2
9-7

A premiação splitada no top4 virou uma Badlands. Devo ter perdido pontos no Eternal, apesar que o Luiz é uma orelha valiosa para se coletar nesse sentido.

Eu sai com a impressão que a lista é menos arriscada do que eu achava. Talvez eu tenha comprado mais Tampos do que poderia ser considerado justo, mas a quantidade de Vials que levei provavelmente empata.

Rain of Filth atrapalhou menos do que o esperado e até ganhou um jogo de outro modo perdido.
Chain of vapor é tudo que há de lindo. Só pode ser o ideal pro slot livre.
A base de manas está uma merda, mas não acho que tenha muito como melhorar. Eu adoraria um Pântano. quem sabe me livro duma Praia.
Silence teria me ganhado o jogo contra Divert.
Não kickei Chant nenhuma vez.
Não sei o que acontece quando o mundo inteiro tiver Mental Missteps pros meus Tampos.
As partidas contra GW, apesar do meu 3-0 são sofridas. É muito detalhezinho pra levar em conta.

Espero que esse report fomente a discussão e sirva pra quem tem interesse no deck. Ele é meio difícil de se aprender, mas eu acho que a falta de resultados tem mais a ver com poucos pilotos (decentes?) do que com qualquer outra coisa.

Se ninguém joga com um deck, ele nunca ganha nada. Se ele nunca ganha nada, ninguém copia.

Fica o efeito Tostines aplicado aos netdeckers.


Props pro Duda, que foi ponta firme no preço da Badlands.
Slops pra numeração insana das mesas e pro calor absurdo de sempre.

Abraços.




5 Vampiric Tutors, manjou?
 
Scoppio

Lenda
0 Referências
Posts: 11285
Registro: 15/09/03

Postado em: 25/04/11 02:46
Isso me faz ter vontade de jogar com baralhos de combo mais control @_@

Pra montar esse deck me faltaria:
- parte do side
- 4 doomsday

Sério, entre esse deck e o TES, qual você acha mais eficiente? Porque uma coisa que eu percebi com o TES é "tentou combar e não funcionou? perdeu amigão"

Editada em: 25-04-11 02:46:53 por Scoppio.
 
turim

Rebelde
0 Referências
Posts: 1677
Registro: 01/10/06

Postado em: 25/04/11 03:00
Parabéns pelo resultado e pela paciência no Report.
Explicou muito bem cada detalhe do deck e mostrou que pra jogar Magic, tbm é necessário um pouco de estudo.

O Deck é tenso de se pilotar e sinceramente, não vejo muitos pilotos aptos a isso, já que na hora de fazer uma pilha pra fugir de determinado problema, um brancozinho de nada na hora de lembrar determinada pilha estudada, fode o teu jogo.

Minha primeira partida sancionada foi contra ti, e logo no primeiro game, tu mostrou que não era um player qualquer; confirmou isso com a aula de DD.deck.

Parabéns outra vez.
 
GAROTOTIC

Lenda
1 Referências (100.00% positivas)
Posts: 5469
Registro: 09/08/06

Postado em: 25/04/11 03:01
Parabéns Potira;
Além de um report muito bem feito, uma aula de como jogar com esse deck.

Editada em: 25-04-11 03:02:41 por GAROTOTIC.
(;p)



Moderador Seção de Fotologs, Reports e Torneios



 
JKaos

Lenda
0 Referências
Posts: 5542
Registro: 24/12/06

Postado em: 25/04/11 03:14

uhauhauhahuahuauaahuhahauahahu me identifiquei com isso ae!
Parabens Potchi!


 
Ovenmaster

Goblin
12 Referências (100.00% positivas)
Posts: 708
Registro: 16/03/09

Postado em: 25/04/11 07:48

:3

 
Shooter

Mago
0 Referências
Posts: 4642
Registro: 29/06/04

Postado em: 25/04/11 08:09
Que deck çéquiçi.

Quais as vantagens desse deck sobre o ANT? Eu vejo de cara a resiliência maior contra cbal, mas de resto não me vem nada na cabeça (falta de familiaridade / preguiça de pensar, provavelmente ambos).

Obrigado e parabéns(?) seu tchutchuco.
 
Joao_Dannemann

Orc
0 Referências
Posts: 1094
Registro: 30/07/05

Postado em: 25/04/11 08:12
Carai maluko que deck dificil =p

Congrattz pro Potira que conseguiu escrever de uma forma que ajuda quem quer jogar com o deck e quem jogue contra algum dia.
 
GiOD1IorioJR

Esquilo
0 Referências
Posts: 5784
Registro: 28/12/07

Postado em: 25/04/11 08:26
Tribo mais fraca do magic (Legacy).
 
FuZzY_No0b

Esquilo
4 Referências (100.00% positivas)
Posts: 9370
Registro: 05/02/04

Postado em: 25/04/11 09:01
Eu achei o report muito bem escrito, assim como o resultado merecido.

Ainda assim, eu não sei dizer o quanto esse deck é funcional. Você tem que resolver um spell de BBB com mais um monte de manas no Pool e fazer um monte de spells de 3-4 manas junto de mais alguns rituais. Por 3BB você pode fazer o filho bastardo da Yawgmoth's Bargain e ganhar o jogo após comprar 13+ cartas.

Sua explicação pra mim (Meio putinho, btw) foi que esse deck ganha de ilhas. Eu não sei o quanto é melhor contra CBs, mas o match do TES contra Merfolk é relativamente fácil já que eles só tem 4 cartas realmente relevantes no match, e as soluções no sideboard são as mesmas para ambos os decks.

O que eu preciso realmente saber é: Porque fazer pós-graduação em Doomsday Piles 101 quando você pode ir pra pré-escola e resolver um spell de 5 manas?

PS: É incrível como o 5K de ontem teve tanto a ver com a nossa conversa no pós-champ...
 
Potira

Ancião
0 Referências
Posts: 8053
Registro: 27/01/06

Postado em: 25/04/11 09:09

O deck não perde pra Gadock Teeg, nem mesmo no game 1. Combar em cima de Teeg custa menos que pros outros decks, tanto em mana quanto em recursos. Isto é, você não precisa da Chain of Vapor na mão. Basta colocar na pilha.

Isso melhora ainda mais no Game 2. Você pode colocar peças específicas para driblar impedimentos específicos. Basta um Reverent Silence para ganhar de Leyline of Sanctity. Ele sempre vai estar entre as cartas que você compra após o Doomsday.

Para a lista do Ari Lax, por exemplo, você precisa resolver um tutor de três manas para a Chain e depois precisa de outro tutor ou Ad Nauseam natural e mais 5-7 manas. E ainda assim corre o risco de revelar mal.

Jogando de Doomsday, seu total de vida é meio irrelevante, enquanto você tiver mais do que 2. Óbvio que contra burn ou zoo não é assim, mas também não é assim pro ANT. Contra decks com criaturas e Daze, poder combar com pouca vida e não dependendo de IGG é muito confortável.

O fato de que você tem Tampo, e que não depende da sua vida faz com que o jogo contra oponentes lentos seja muito mais tranquilo. Você tem todo o tempo do mundo para escolher 8 cartas antes de ganhar. Desse modo, esse tipo de deck consegue aproveitar muito melhor os turnos que o CB dá antes de ser forçado a agir.

As desvantagens são que esse deck tem menos mãos idiotas do tipo Dark Ritual, Dark Ritual, Ad Nauseam, então você precisa suar em mais jogos. Com isso, o deck fica mais cansativo ao longo do dia. Além disso, o deck pode simplesmente cuspir na sua cara e não entregar o mínimo necessário de mana, cantrips ou business.

 
_Ramon

Esquilo
0 Referências
Posts: 1195
Registro: 28/08/09

Postado em: 25/04/11 09:24
Boaa man! Parabens!
Gradei demais do report!

o match contra CB ainda deve ser desagradavel.. apesar de pos side o plano ser simples e facil..

=**



 
laemcasa

Demônio
12 Referências (100.00% positivas)
Posts: 9808
Registro: 24/09/01

Postado em: 25/04/11 09:39
Se eu não entendia como jogar com esse deck, agora eu tenho uma pequena noção.

Parabéns pelo report/artigo.
 
CrazySeven

Assecla
0 Referências
Posts: 2669
Registro: 08/01/07

Postado em: 25/04/11 10:54
O que dizer? Exelente report, uma aula de DD Combo.

Mas; que deck infernalmente dificil de jogar. Supletivo, supletivo.

E noooossaaa, você tomou um Adepto da Verdade in your face. OMG
 
kouks

Anjo
0 Referências
Posts: 2972
Registro: 18/12/06

Postado em: 25/04/11 10:59
Congratz Indio.

Ele já tomou um True believer em resposta a Intuition. Toma essa!

 
Potira

Ancião
0 Referências
Posts: 8053
Registro: 27/01/06

Postado em: 25/04/11 11:09
A merda de ser ateu é essa... Sempre tem um True Believer aleatório pra te atrapalhar a vida.
 
CrazySeven

Assecla
0 Referências
Posts: 2669
Registro: 08/01/07

Postado em: 25/04/11 11:17

RINDO ALTO AQUI.

Essa é tech de mais.

Certa vez aconteceu com meu amigo, mas foi Leyline of Sanctity no MOL e ele tentando dar a intuition e não conseguia jogar e xingando muito e falando: "MERDA DE MOL BUGADO DO CARAI!!! Ahh... Intuition dá alvo no oponente..."

Ah, mas afinal ele é adepto da verdade. Basta saber se é a SUA verdade. É como meu professor de Hermeneutica e Argumentação dizia:

"Acreditar em Deus é sempre melhor, pensem, se Deus não existe e você acredita nele, ok, morreu e não acontece nada. Se Deus existe e você acredita nele, ok, morreu e foi agraciado com o paraíso. Se Deus existe e você não acredita nele, ok, morreu e foi pro inferno."

Where is your True Belive now?

 
maurih

Goblin
0 Referências
Posts: 6992
Registro: 15/01/08

Postado em: 25/04/11 11:18
agora eu entendi como se comba com esta pilha de cartas ae :O

sempre tento jogar com combos mas nunca consigo, talvez depois deste report eu tente algumas partidas com o deck online :P

 
kouks

Anjo
0 Referências
Posts: 2972
Registro: 18/12/06

Postado em: 25/04/11 11:22

2UUBBBB é pré Meditate?
Pré tem que ser 2UUB.

B-

Editada em: 25-04-11 11:23:48 por kouks.

 
Potira

Ancião
0 Referências
Posts: 8053
Registro: 27/01/06

Postado em: 25/04/11 11:35

Depois de resolver o Doomsday, você precisa de 2UUB.
Com 2U, você faz Meditate. Com U, faz a Chain. Com B, os Rituals.

Antes, precisa de mais BBB. No total, são 8 manas. Você conta sua mão e mesa. Se consegue gerar 2UUBBBB com o que já tem, vai ganhar. Tirando o BBB inicial, todos os outros podem vir de LEDs.



@CrazySeven: O professor de Hermenêutica e Argumentação mandou uma Aposta de Pascal? Eu ri. :)