Load or Cast
Nada de fetchlands em um futuro próximo? :( :( :(
 Nada de fetchlands em um futuro próximo? :( :( :(
rmartins

Esquilo
2 Referências (100.00% positivas)
Posts: 20
Registro: 04/08/13

Postado em: 18/05/14 13:37

Algo que acontece em Magic que não acontece em mercados como o automobilístico ou o de aparelhos eletrônicos é a especulação. Devido a esse fato, muitas vezes cria-se uma "falsa demanda" que eleva os preço. E não é só loja, ou quem tem muito dinheiro que faz isso. Tem muita gente guardando set de shockland pois acredita que elas vão subir a patamares pré-reimpresão, ou seja, especulando.
Em suma, em MTG não podemos levar em conta somente a relação de oferta x demanda.

 
Sol_Badguy

Dragão
500 Referências (99.80% positivas)
Posts: 10094
Registro: 11/06/07

Postado em: 18/05/14 13:40
Se eu soubesse teria comprado 2 FTV: Realms....

Dragon's Lair Pirassununga/SP
Magic Interior de São Paulo


 
Night_Hunter

Esquilo
0 Referências
Posts: 157
Registro: 10/04/09

Postado em: 18/05/14 14:46

Bem isso... eu lembro quando tinhas meus Groves, passei cada um a 10 na época... ai quando fui comprar de novo achei um abuso estar a 50 cada, agora nem faz tanto tempo assim q peguei eles e olha o preço q tá!!

Magic ta ficando difícil...

 
Soydioalex

Esquilo
4 Referências (100.00% positivas)
Posts: 4367
Registro: 01/12/03

Postado em: 18/05/14 18:13

Se a Wizards fizesse um FTV Fetchs, seria contado com conta gotas e custaria absurdo, não resolveria NADA.

 
Leandrotsv

Pesadelo
0 Referências
Posts: 4149
Registro: 21/09/07

Postado em: 18/05/14 18:36

Desde que venham, e o quanto antes, da pra esperar mais um pouco, tem gente esperando desde que saiu o modern uhaushas

Mas concordo que assim que foi anunciado o modern, deveria ter um plano de reedição pelo menos para as bases de mana, assim teria como as fetchs voltarem agora, já que estariam planejadas pros próximos blocos.

Será que volta nesse bloco do sharkan? até lá n tem mais shock no t2.
 
Lezard

Lenda
0 Referências
Posts: 2926
Registro: 22/07/11

Postado em: 18/05/14 20:12

O Modern Masters resolveu alguma coisa? Foi exatamente desse jeito que você falou: tiragem limitada, as staples continuam com os preços na estratosfera. Qualquer coisa que tenha tiragem baixa praticamente não vai ter impacto no preço, pois vai ter muito pouco impacto na oferta, sendo que a demanda continua alta. Qualquer retardado sabe disso, e mesmo assim eles fizeram.

Um Modern Masters II com fetchs poderia ser uma outra alternativa, imo. Mas com uma tiragem maior.

 
Leozoppado

Esquilo
0 Referências
Posts: 8312
Registro: 02/06/12

Postado em: 18/05/14 20:57
Modern masters foi um teste, por isso a baixa tiragem. Com certeza a segunda edição de MMA será com tiragem maior ;)
 
Phanda

Esquilo
10 Referências (100.00% positivas)
Posts: 116
Registro: 05/11/13

Postado em: 18/05/14 23:25

A Wizards tem todo ano uma aumenta significativa no numero de players, e muitos desses novos players demonstram interesse em ingressar no Legacy e Modern, o que aumenta a procura pelas cartas.

A Diferença amigo, é que quando a demanda por um item no mercado é grande, o fabricante repõe rapidamente o estoque, pra estar sempre vendendo. Coisa que a wizards faz muito devagar. Imagina o quão sem noção seria você ir até a loja da Apple, Sony, Samsung, Microsoft buscar aquele produto que você e a maioria do publico tanto quer, e não ter porque o fabricante simplesmente preferiu segurar a produção, ou substituir por outra coisa pior?

Pois é isso que acontece: A Wizards lança fetchs, todo mundo ve que é bom, todo mundo quer comprar... e ao inves de reprintar mais pra vender bem e fazer um lucro bão, ela prefere enfiar Scrylands, Checks e outras lands muito inferiores nos players por um periodo de anos.

O Magic vai ficar muito mais divertido quando TODAS as cartas se tornarem acessíveis, e o que imperar nos campeonatos for a inteligência dos players. E não o cacife pra comprar os decks.

Aposto que tem muito player EXCELENTE, TOP, PRO, lamentando não poder montar uma porra de deck que ele imaginou porque a base de mana custa sozinha 5 mil reais.


E o problema dos preços das staples Modern esta justamente... no Legacy.
Fetchs, BoB, Goyf, Lili, Vendilion. Staples caríssimas que jogam em muitos mais decks Legacy que nos Modern. E o Legacy é caro! E Graças a reserved list, sempre sera!


MTG é sem dúvida um dos jogos mais caros do mundo.
Excluindo o talento, vontade, esforço, etc, qual seria o investimento em material pra jogar outros jogos?
Qual sera o investimento de um campeão mundial de LoL? O que ele precisa para trinar? Um PC Gamer com os acessórios (Meu PC custou 4 mil reais, e roda LOL no ULTRA, então acho que ele seria o suficiente) e conexão com a internet, nem o jogo em si ele paga, pq LOL é gratuito.

Agora, pra se tornar um campeão de Magic, ou pelo menos ter uma base de mana capaz de criar decks poredosos o cara tem que desembolsar um carro usado. Só os Sets de Underngroud Sea, Volcanic ISland e Bayou pagam o PC do player de lol facil.


Acho um absurdo chegarmos ao ponto onde decks campeões custem + de 10K.


Resumindo todo o texto:
Se a oferta é grande, favor reprintar. Vai trazer lucro pra Wizards, e ajustar o preço a algo mais paupavel aos players.


Se a Wizards não ajustar isso, até o T2 corre perigo!

Afinal, os decks são mais baratos? São, mas nem tanto assim, basta olhar no top 8, os mais baratos chegando a 1K.
Porque o T2 corre perigo?
O Bloco cai. E as cartas dos blocos caídos viram lixo. E o que muitos player de T2 fazem para adquirir cartas dos blocos novos? Vendem o lixão. Pra quem eles vendem? Players de Modern e Legacy (Eu mesmo estou esperando RTR cair pra pegar Mutavault, Domri e algumas shocks).


Se os preços não se ajustarem e a galera abandonar Modern e Legacy, não vai ter pra quem os players de T2 venderem o lixão.
E ficar gastando do nada 1,2k por bloco, sem retorno das vendas do lixão, depois de algum tempo, pode tornar o T2 tão caro quanto legacy.

Eu demorei 2 anos pra montar meu legacy de Goblins, atualmente valendo aprox. 4,5K.
E ele pronto pode jogar por muito tempo, quantas mudanças caras meu deck de goblins pode sofrer com uma mudança de bloco? A ultima adição pra goblins foi Legion Loyalist, e tem gente que nem usa.












 
ElderDragon

Soldado
16 Referências (100.00% positivas)
Posts: 13300
Registro: 24/11/03

Postado em: 18/05/14 23:55
Só para constar Notebook não é card de Magic. A lógica de mercado é outra.
 
Phanda

Esquilo
10 Referências (100.00% positivas)
Posts: 116
Registro: 05/11/13

Postado em: 18/05/14 23:59

É muito lógico mesmo, um deck de Magic valendo mais que MacBook.

 
Rishvek

Esquilo
0 Referências
Posts: 478
Registro: 11/04/13

Postado em: 19/05/14 03:51
Você compra o MacBook hoje e amanhã ele vale menos. Você compra uma Volcanic Island hoje e amanhã ela vale mais.

Agora sobre tantas reclamações de preços:

Não existe o motivo deste mimimi.
Enquanto houver quem pague 350 dinheiros em uma Old Dual, haverão pessoas vendendo por 350. E olha... sempre haverá gente disposta á pagar. Mas o teu vizinho ter Old Dual não te impede de divertir-me jogando Magic.

Eu, por exemplo, não tenho UMA fucking fetch sequer. Minha carta mais cara de Magic é um JtMS. Mesmo assim, jogo Magic desde 2005. Não ter uma "Base de Mana Sólida" nunca me impediu de jogar.

Não ter as Staples nunca me tirou a diversão do jogo.

Não ter uma base de mana sólida para o T2 estava me impedindo de fazer o deck de mill que eu queria. Tive de ir lá e comprar 4 Mana Confluence. Joguei uns 15 FNM com Duress no lugar de Thoughtseize e Guildgate no lugar de Templos. Não deixei de me divertir por conta disto. Deixei de ganhar algumas vezes (TALVEZ).

Dizer que não joga um formato x ou y pq lhe faltam 5.000 Dilmas para fazer uma base de mana me parece desculpa. Não tem? Improvise. Sério. Eu fiz/faço até hoje.

E se seu problema pra jogar Legacy é esse, tem uma loja aqui em SP que faz campeonato full proxy de Legacy. Joga lá! Eu jogo. Com 46 Proxies de um D&T.

A real é que a maioria não quer Fetchs á R$ 10,00. A maioria quer somente reclamar.
 
rodsacra

Dragão
0 Referências
Posts: 1250
Registro: 26/02/08

Postado em: 19/05/14 07:42

Off Topic: Acima de tudo, creio que tudo dependa de onde você jogue. Já joguei com um deck UB com coagir no lugar de capturar. Olhei a mão do cara 3X e ele acabou me matando com aquele ETERÍDEO que não pude tirar. Se onde v. joga todo mundo ou a maioria tem os decks meia-boca, pode até dar certo. Mas para quem joga eventos competitivos é inviável.
Quanto ao uso de proxys no Legacy em champs de rel REGULAR ou for-fun, faremos uma tentativa com 10 proxy's no mês que vem. Vamos ver. Creio que quem jogue para se divertir, não precise sequer gastar com Magic. Aqui, temos um grupo que joga Commander frequentemente e são permitidas até 10 proxy's.
Para mim, acima de tudo, o que torna o preço dos cards astronômico são, a reserved list, a lei da oferta e da procura e principalmente o "sequestro" de cards do mercado por colecionadores e pessoas que não jogam competitivamente.
ON Topic:Provavelmente fetchs, só em 2015 mesmo, pois Sarkan era do bloco dos Filter's.

 
Phanda

Esquilo
10 Referências (100.00% positivas)
Posts: 116
Registro: 05/11/13

Postado em: 19/05/14 08:49
[quote=Rishvek=quotpra ocê compra o MacBook hoje e amanhã ele vale menos. Você compra uma Volcanic Island hoje e amanhã ela vale mais.

Agora sobre tantas reclamações de preços:

Não existe o motivo deste mimimi.
Enquanto houver quem pague 350 dinheiros em uma Old Dual, haverão pessoas vendendo por 350. E olha... sempre haverá gente disposta á pagar. Mas o teu vizinho ter Old Dual não te impede de divertir-me jogando Magic.

Eu, por exemplo, não tenho UMA fucking fetch sequer. Minha carta mais cara de Magic é um JtMS. Mesmo assim, jogo Magic desde 2005. Não ter uma "Base de Mana Sólida" nunca me impediu de jogar.

Não ter as Staples nunca me tirou a diversão do jogo.

Não ter uma base de mana sólida para o T2 estava me impedindo de fazer o deck de mill que eu queria. Tive de ir lá e comprar 4 Mana Confluence. Joguei uns 15 FNM com Duress no lugar de Thoughtseize e Guildgate no lugar de Templos. Não deixei de me divertir por conta disto. Deixei de ganhar algumas vezes (TALVEZ).

Dizer que não joga um formato x ou y pq lhe faltam 5.000 Dilmas para fazer uma base de mana me parece desculpa. Não tem? Improvise. Sério. Eu fiz/faço até hoje.

E se seu problema pra jogar Legacy é esse, tem uma loja aqui em SP que faz campeonato full proxy de Legacy. Joga lá! Eu jogo. Com 46 Proxies de um D&T.

A real é que a maioria não quer Fetchs á R$ 10,00. A maioria quer somente reclamar.
[/quote]


Isso na tua área amigo, aqui onde eu vivo joga-se pegado, sempre com decks competitivos, principalmente legacy e t2.

Um deckzinho de cozinha com cartas tapa buraco, como duress e portões não tem chance. E perder não eh divertido pra ninguém.
 
Tandor

Tritão
0 Referências
Posts: 5567
Registro: 26/10/03

Postado em: 19/05/14 10:22

Ai que tá.
Essas cartas não podem vir em produto promocional, se vem em pacotes limitados termina que o preço da caixa fica igual a soma da cotação atual do que vem dentro, e aí não muda uma vírgula do preço nem no acesso.

Tem que sair em série regular.

 
FillipeLemes

Esquilo
0 Referências
Posts: 146
Registro: 07/09/10

Postado em: 19/05/14 11:39
Este usuário esta na lista de Baloeiros, recomendado não negociar com ele.
Clique aqui para ver o motivo dele estar nesta lista.

preciso arrumar 2 tarmogoyf e não mereço ser estrupado! :( kkkk

 
Tandor

Tritão
0 Referências
Posts: 5567
Registro: 26/10/03

Postado em: 19/05/14 11:45
Se Magic tivesse começado do jeito que é hoje, Dark ritual, Brainstorm e Raio seriam míticas e só seriam relançadas de dez em dez anos.


Não, jogar com portão não é a mesma coisa que usar fetch.

Fetch não atua só na curva de mana, ela transforma o cemitério em um recurso mais consistente, muda a fluidez e até se pode dizer que te dá um ganho de um ou dois turnos, o portão te toma um turno.

Não é como comparar capturar pensamento e Duress, que até dá para se argumentar um certo equilíbrio entre as duas, aliás, você até vê sentido em usar AS DUAS no mesmo deck.




Editada em: 19-05-14 12:29:17 por Tandor.
 
Rishvek

Esquilo
0 Referências
Posts: 478
Registro: 11/04/13

Postado em: 19/05/14 12:38
Jogo na maioria das lojas de São Paulo.

Eu disse que para DIVERTIR-SE não precisa ter as staples do formato que você joga.

Agora, competitivamente você TEM que gastar. Em qualquer coisa que for. Tanto que tive de comprar Thoughtseize, Confluence, 10 templos diferentes.

Acho que Magic tem ainda uma vantagem de ter o Commander, Modern e Legacy de Eternal. Você investe hoje e vai usar isso por anos e anos ainda se quiser. E Fetchlands (de Zendikar), por exemplo, você consegue usar nos 3 formatos Eternal.

Magic não exige manutenção das cartas como os aparelhos de outros cenários competitivos exigiriam. E diferente de vários outros cenários competitivos, a maioria das vezes no Magic, quando você pára de jogar, acaba recuperando o preço das cartas que comprou. Afinal, como vocês dizem, o preço nunca pára de subir.

 
Tandor

Tritão
0 Referências
Posts: 5567
Registro: 26/10/03

Postado em: 19/05/14 13:59
Até entendo oque você quer dizer, e não está errado sob certo aspecto, mas eu me divirto mais quando o deck flui no jogo.

Ficar "vou comprar, putz tem que vir o portão", "hhaa não veio, não abaixo nada e passo o turno"; 3 turnos depois "ha veio portão, mas entra virado" "passo o turno".

Isso é chato, a base de mana é essencial para fluidez da partida, o que entra como critério para um partida ser divertida.

Mesmo que eu perca, é mais divertido quando você perde sabendo que a disputa foi toda no "mind game" e na estratégia, e não por que ficou esperando comprar a land da cor de mana que queria.
Não existe opção acessível que corrige o pool de mana, um dos poucos que mais ou menos presta é evolving wilds, mas só ele.
 
Brook_Norris

Esquilo
0 Referências
Posts: 34
Registro: 19/05/14

Postado em: 19/05/14 16:16
O magic é sem dúvida o card game mais completo do mundo...mas a wizards precisa muito aprender com as demais do ramo...um tempo atrás resolvi testar o TCG de pokemon e descobri que os decks sao absurdamente mais baratos, e coisas interessantes são feitas pela empresa que o cria/distribui(não sei o nome), por exemplo: carta X está muito cara porque montaram uma lista muito boa com ela? Ao invés de banir vamos vender umas latas "promocionais" com tiragens altas, nas quais vem um deck interessante e a carta está inclusa, e a um preço acessível.

Pra mim a wizards não dá o devido incentivo para os jogadores, e isso acaba fazendo com que a comunidade fique nas mãos de dealers...e isso de certa forma diminui o interesse para quem quer ingressar em outro formato, montar outro deck completamente diferente e tudo mais...
 
vermelho

Esquilo
0 Referências
Posts: 527
Registro: 13/10/09

Postado em: 19/05/14 16:21
Novamente, a especulação imobiliaria no MTG. Não dá mais para comprar nem terreninhos. Até entendo que uma "ilha tropical" custe uma fortuna, mas umas " terras ermas", só nesse joguinho mesmo. Falando sério, comprei uma volcanic em fevereiro, um achado por 117 doletas, vendi mês passado no ebay por 173 doletas. Isso não aconteceu só com ela, a Bayou também subiu de 80-90 em Fevereiro para 130-140 em maio.

Isso demonstra, mais que claramente, que o algum efeito anormal está acontecendo. Não é só procura e oferta. O numero de jogadores no Legacy não aumentou 50% em dois meses para que a procura tivesse subido assim. Eu já me arrependo de ter vendido minha Volcanic, porque agora está 250-60. Ela mais que dobrou em 4 meses. Acredito que esse aumento está marcando a passagem do Legacy para um estágio superior mesmo, como o Vintage. Isso não quer dizer que é bom. Mas, tendo a pensar que os players Legacy, dos quais faço parte, farão juz ao nome e cada vez mais será dificil acessar esse grupo.

Com efeito, penso que isso fortalecerá o Modern sim! Mas, fortalecer, não significa massificá-lo e sim, solidificá-lo. A Wizards sempre teve uma relação contraditoria com o mercado de trocas entre players; ao mesmo tempo concorrente e colaborador. Concorre economicamente, mas ajuda no fidelização do jogador (quod me nutri me destruit). Porém, para não se contrapor a essa ordem, ela optou por diversificar e fragmentar o público. Não precisa entender muito de economia para entender como isso é mais seguro que um mercado monomórfico.