Load or Cast
Dimir Rogues no Standard
Em seu artigo de hoje, Sandoiche comenta sobre o Dimir Rogues no Standard: escolhas de sua lista atual, próximos passos e PLANOS DE SIDEBOARD contra os principais decks do metagame!
03/11/2020 10:05 - 5.875 visualizações - 5 comentários
Load or Cast

Olá!

 

O formato Standard segue em constante evolução, com novos baralhos surgindo a cada semana, e estratégias que pareciam estar "datadas" sempre ressurgindo e clamando posições no metagame. 

 

Alguns arquétipos, entretanto, parecem já ter cravado seu lugar como escolha sólida e segura para qualquer campeonato, mesmo que em dado momento estejam melhores ou piores posicionados: decks baseados em Yorion, Nomade Celeste, aggros verdes com aventuras e as variações de Dimir Rogues/Control. 

 

Hoje falaremos sobre o Dimir Rogues com Lurrus da Toca Onirica  e Caranguejo-das-ruinas, deck que venho utilizando recentemente nos torneios e ranqueadas Mítico no Magic Arena:

 

Dimir Rogues Lurrus
4024 visualizações
25/10/2020
R$ 971,88
R$ 1.409,47
R$ 3.597,67
4024 visualizações
25/10/2020
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Companheiro (1)
1  Lurrus da Toca Onírica   44,95

Criaturas (15)
4  Caranguejo-das-ruínas 3,82
4  Impositora da Guilda dos Ladrões 14,25
3  Ladrão Eólico Tritão 0,41
4  Ladrão de Pensamentos Planador  0,64
Mágicas (22)
1  Agarrar-se ao Pó 0,50
3  Sede de Grão-vampiro 2,43
4  Afogar no Lago  5,00
1  Ato Cruel  1,80
1  Espalhar Essência  0,04
3  Disputa Mística  3,99
2  Dominação do Mago Anulador    0,23
3  Despertar de Agadeem    119,90
4  Entrar na História   0,17
Terrenos (23)
2  Castelo de Locthwain9,70
6  Ilha0,00
3  Pântano0,00
4  Passagem Fabulosa24,23
4  Trilha das Águas Claras28,15
4  Trioma de Zagoth32,30
60 cards total

Sideboard (15)
2  Agarrar-se ao Pó 0,50
1  Sede de Grão-vampiro 2,43
2  Ato Cruel  1,80
1  Negar  0,05
2  Tomo da Mente Labiríntica 34,90
1  Disputa Mística  3,99
2  Dominação do Mago Anulador    0,23
1  Estilhaçamento d'Alma  1,97
1  Lurrus da Toca Onírica   44,95
2  Evento de Extinção  3,50

 

O plano do deck é bastante simples: através de algumas criaturas que trituram ativar o mais rápido possível as cartas que se beneficiam de ter 7 ou 8 no cemitério do oponente, conseguindo uma bela pechincha na hora de pagar os custos de mana. 

 

Entrar na Historia  é a mais poderosa delas, comprando quatro novas cartas em velocidade instantânea por apenas duas azuis e duas genéricas, causando inveja mesmo a cartas de compras superpoderosas como Fato ou Ficcao e Novidades. Impositora da Guilda dos Ladroes vira uma Aberracao Insetidea com toque mortífero e lampejo, enquanto que Ladrao de Pensamentos Planador é um poderoso lorde para a tribo que potencializa tanto a corrida do dano, quanto a de triturar grimórios. Afogar no Lago vira um hibrído de Contramagica com Findar, tornando-se a interação premium suprema.


O restante do baralho é composto por inúmeras jogadas de uma e duas manas, tanto as ameaças quanto as interações, e quase tudo sendo lampejo/instantâneas. Dessa forma, ele consegue maximizar também a eficiência, usando a mana melhor e fazendo mais movimentos por turnos que a concorrência. Afinal, o próprio fato de comprar quatro cartas seria quase irrelevante caso não fosse possível, de fato, jogar essas cartas em tempo hábil para usufruir da vantagem.


Esse núcleo de Ladinos/Entrar na Historia/Afogar no Lago encontra-se presente em todas as listas de Dimir Rogues. As diferenças começam em outras escolhas de cartas, começando pela opção de usar Lurrus da Toca Onirica como Companheiro. Mesmo custando 3 manas a mais na regra nova, o felino pesadelo segue extremamente capaz de definir jogos por si só - então, não importa o quanto demore,  o oponente sabe que precisa lidar com o Lurrus da Toca Onirica eventualmente, sob risco de perder o jogo caso falhe em fazê-lo. 

 


Nas partidas de muito atrito, em especial contra outros Dimir que optam por Tufao de Tubaroes ou Zareth San, o Trapaceiro, ter acesso a esse recurso adicional costuma ser decisivo depois que a poeira baixou na troca de recursos. 

 

Além disso, em relação ao ambiente como um todo nenhuma dessas cartas parece excepcionalmente bem posicionada; Tufao de Tubaroes exigiria um metagame com mais baralhos com mais anulações e menos remoções rápidas jogando para realmente exceder, enquanto que o ladino lendário é uma carta relativamente difícil de encaixar em um ambiente novamente lotado não só de remoções, mas também de interações com cemitério (Lodo Necrofago, Agarrar-se ao Po, cartas com Escapatória).

 


Em relação à base de mana, a escolha de Trioma de Zagoth ao invés de Templo do Engano deu-se pela presença dos Castelo de Locthwain, facilitando-os entrar desvirados; pela alta presença de mirrors (que trituram o deck e comprometem a vidência); e em menor escala, para acessar mais rapidamente o recurso em caso de comprar muitos terrenos, reciclando ao invés de esperar um turno pela vidência. Outro bônus é ativar as habilidades de Lodo Necrofago ou Polucrano, Desacorrentado roubados por Dominacao do Mago Anulador.

 

 


As escolhas de mais cópias de Sede de Grao-vampiro e Dominacao do Mago Anulador deram-se por esperar enfrentar mais baralhos com verde, optando por jogadas de maior eficiência na mana e impacto respectivamente, compensando com Disputa Mistica para as mirrors e decks de Yorion.

 


Ladrao Eolico Tritao é uma criatura de baixo impacto que é cortada de algumas listas, mas que em minha visão merece espaço, ao menos no primeiro jogo. É importante ter acesso a uma criatura que ajuda a ter redundância nos efeitos de triturar e na pressão aérea, podendo ser sideado em partidas onde Aracnir Teia-de-correntes entram, além de sua poderosa sinergia com Lurrus da Toca Onirica efetivamente dando acesso a uma compra extra com um bloqueador por uma mera mana azul.


O próprio Caranguejo-das-ruinas  não tem sido mais unanimidade nas listas de Dimir, embora seja importante para garantir explosividade em triturar nos primeiros turnos (nada como Entrar na Historia na curva) e principalmente para tornar o plano de atacar o grimório do oponente uma opção válida (e até preferencial em alguns jogos). Contra alguns baralhos mais lentos as mãos de duplo caranguejo são imbatíveis, e mesmo contra os aggros o corpo 0/3 vem bem a calhar bloqueando várias criaturas relevantes, como Ladrao dos Ricos e Estalajadeiro de Beiramuro no começo ou um Mamute de Kazandu/Fera Apaixonada // Desejo do Coracao para proteger os pontos de vida depois de já ter cumprido seu papel.


Já a Gargula de Vantreza é uma das cartas que muitas listas usam, mas que não vem me agradando tanto. Duas manas em velocidade feitiço por uma criatura que nem sempre ataca ou bloqueia e que tritura somente uma por turno, caso desvire, acaba por ser bastante lento, mesmo que seja uma carta de mais impacto e que exige uma resposta dos oponentes no jogo certo.


Em relação aos próximos passos do metagame, trazendo possíveis mudanças na lista: provavelmente mais Agarrar-se ao Po e Ato Cruel no deck principal, já que cada vez mais as listas de Dimir vêm adotando a instantânea preta de primeiro jogo, além de outros baralhos com Fenix de Cinzas e outras cartas com Escapatória logo de cara. As cartas que provavelmente terão de ser diminuídas são as interações de nicho, como Dominacao do Mago Anulador e Sede de Grao-vampiro, e talvez um 23° terreno no caso do Agarrar-se ao Po que se repõe no começo, ajudando a fazer os terrenos. 

 

 


Para os que vão se aventurar com o baralho, segue também um breve guia de sideboard contra as principais partidas do ambiente (lembrando que é importante não seguir cegamente, já que as listas e forma de jogar dos oponentes podem variar, além da própria evolução natural do metagame):

 

Dimir Rogues (mirror):


-3 Ladrao Eolico Tritao
-1 Espalhar Essencia
-2 Dominacao do Mago Anulador 
-2 Sede de Grao-vampiro 
+1 Disputa Mistica
+2 Agarrar-se ao Po
+1 Negar
+2 Tomo da Mente Labirintica
+2 Ato Cruel

 

Dimir Control (Ugin/Ashiok):


-2 Dominacao do Mago Anulador 
-1 Espalhar Essencia
-1 Ladrao Eolico Tritao
-2 Sede de Grao-vampiro
+1 Disputa Mistica
+2 Agarrar-se ao Po
+1 Negar
+2 Tomo da Mente Labirintica

 

Gruul Adventures:


-1 Entrar na Historia
-3 Ladrao Eolico Tritao
-3 Disputa Mistica
-1 Despertar de Agadeem
-2 Caranguejo-das-ruinas
+2 Ato Cruel
+2 Agarrar-se ao Po
+2 Evento de Extincao 
+1 Estilhacamento d'Alma
+1 Sede de Grao-vampiro 
+2 Dominacao do Mago Anulador 

 

Rakdos Kroxa:


-3 Ladrao Eolico Tritao
-4 Caranguejo-das-ruinas
-3 Disputa Mistica
-1 Espalhar Essencia
+2 Ato Cruel
+2 Agarrar-se ao Po
+2 Evento de Extincao 
+2 Tomo da Mente Labirintica
+1 Sede de Grao-vampiro 
+2 Dominacao do Mago Anulador 

 

Azorius Yorion:


-2 Dominacao do Mago Anulador 
-3 Sede de Grao-vampiro 
-1 Ato Cruel
+1 Disputa Mistica
+2 Tomo da Mente Labirintica 
+1 Estilhacamento d'Alma
+1 Negar
+1 Agarrar-se ao Po

 

Temur Ramp:


-2 Dominacao do Mago Anulador 
-3 Ladrao Eolico Tritao
-2 Sede de Grao-vampiro 
+1 Disputa Mistica
+1 Estilhacamento d'Alma
+1 Sede de Grao-vampiro
+1 Negar
+2 Ato Cruel
+1 Agarrar-se ao Po

 

Abzan Yorion:


-3 Sede de Grao-vampiro
-3 Disputa Mistica
-1 Agarrar-se ao Po
+2 Tomo da Mente Labirintica
+1 Negar
+2 Ato Cruel 
+2 Evento de Extincao

 

Golgari Adventures:


-3 Ladrao Eolico Tritao
-3 Disputa Mistica
-2 Despertar de Agadeem 
+2 Evento de Extincao 
+2 Ato Cruel
+1 Agarrar-se ao Po 
+1 Sede de Grao-vampiro
+2 Dominacao do Mago Anulador

 

Boros Cycling:


-2 Dominacao do Mago Anulador 
-1 Espalhar Essencia
-3 Ladrao Eolico Tritao
-1 Disputa Mistica
+2 Ato Cruel
+1 Agarrar-se ao Po
+2 Evento de Extincao 
+1 Sede de Grao-vampiro
+1 Negar

 

Mono Green Food:


-3 Ladrao Eolico Tritao
-3 Disputa Mistica
-2 Despertar de Agadeem 
+2 Ato Cruel
+1 Agarrar-se ao Po
+2 Evento de Extincao 
+1 Sede de Grao-vampiro
+2 Dominacao do Mago Anulador

 

E quanto a vocês, leitores, como enxergam a escolha do Dimir Rogues para um torneio nesse atual formato? Quais mudanças fariam na lista e/ou nos planos de sideboard? E em relação aos próximos passos, como atualizariam as escolhas? Compartilhem suas opiniões nos comentários!


Abraços e até a próxima!

 

Patrocinador Oficial LigaMagic Bolts
Patrocinador Oficial LigaMagic Bolts
Patrocinador Oficial LigaMagic Bolts
Matheus Akio Yanagiura ( sandoiche_13)
Matheus Akio Yanagiura, mais conhecido como Sandoiche, é jogador, escritor e streamer de Magic: the Gathering, produzindo conteúdo desde 2012. Membro da equipe de e-Sports LigaMagic Bolts, está sempre na vida do grind dos torneios, com destaques para o Top 8 do Magic LATAM Challenge e o Vice-Campeonato da Twitch Rivals, além do bi-campeonato Circuito LigaMagic Modern e o Top 16 no Grand Prix São Paulo 2018 no Tabletop.
Redes Sociais: Twitch, Facebook, Instagram, Twitter
Comentários
Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 06/11/2020 17:59
ajudou D+

vlw!!!
(Quote)
- 03/11/2020 14:25
Muito bom
(Quote)
- 03/11/2020 13:59
Dependendo do deck terá um anula e sendo a maioria de custo 2 ou menos das criaturas e evitarem anular as mesmas, eu uso no meu deck a vinculadora da noite sagaz
(Quote)
- 03/11/2020 13:37
parabens pelo resultado sanduba, saude p tu e tua familia !
(Quote)
- 03/11/2020 12:51
Sandugod!
Últimos artigos de Matheus Akio Yanagiura
Primeiras Impressões de Kaldheim
Em seu artigo de hoje, Sandoiche analisa as mecânicas e algumas cartas interessantes/promissoras de Kaldheim com foco na jogabilidade para o Standard!
7.209 views
Primeiras Impressões de Kaldheim
Em seu artigo de hoje, Sandoiche analisa as mecânicas e algumas cartas interessantes/promissoras de Kaldheim com foco na jogabilidade para o Standard!
7.209 views
Há 5 dias — Por Matheus Akio Yanagiura
Analisando Nível de Poder das Cartas
Em seu artigo de hoje, Sandoiche compartilha alguns dos critérios de avaliação que utiliza para analisar o nível de poder das cartas de Magic!
4.392 views
Analisando Nível de Poder das Cartas
Em seu artigo de hoje, Sandoiche compartilha alguns dos critérios de avaliação que utiliza para analisar o nível de poder das cartas de Magic!
4.392 views
Há 13 dias — Por Matheus Akio Yanagiura
De Olho no Histórico
Em seu artigo de hoje, Sandoiche comenta sobre os principais baralhos e o metagame do Historic, formato que ficou em bastante evidência no mês passado e o atual formato do Q..
4.706 views
De Olho no Histórico
Em seu artigo de hoje, Sandoiche comenta sobre os principais baralhos e o metagame do Historic, formato que ficou em bastante evidência no mês passado e o atual formato do Q..
4.706 views
Há 20 dias — Por Matheus Akio Yanagiura
Minha Retrospectiva 2020 - O Grind Acontece de Casa
2020 chega ao fim, e como de costume, Sandoiche traz aquela retrospectiva de seu ano enquanto jogador competitivo e produtor de conteúdo de Magic!
2.365 views
Minha Retrospectiva 2020 - O Grind Acontece de Casa
2020 chega ao fim, e como de costume, Sandoiche traz aquela retrospectiva de seu ano enquanto jogador competitivo e produtor de conteúdo de Magic!
2.365 views
Há 27 dias — Por Matheus Akio Yanagiura
Standard na Reta Final, mas ainda evoluindo
O Standard de Zendikar pode estar se aproximando de sua reta final, mas as tecnologias seguem a todo vapor nos principais baralhos do metagame, com a dança dos Tiers ainda no..
4.435 views
Standard na Reta Final, mas ainda evoluindo
O Standard de Zendikar pode estar se aproximando de sua reta final, mas as tecnologias seguem a todo vapor nos principais baralhos do metagame, com a dança dos Tiers ainda no..
4.435 views
21/12/2020 10:05 — Por Matheus Akio Yanagiura