LigaMagic Bolts
“O mago de centelhas urrou, invocando a ira das tempestades de sua juventude. Para sua surpresa, o céu respondeu com uma energia feroz que ele acreditava que nunca mais veria.”
13/09/2019 10:05 - 8.429 visualizações - 33 comentários

O Magic: The Gathering sempre foi visto como um jogo inteligente (O jogo mais complexo do mundo). Em São José dos Campos - cidade onde nasceu a LigaMagic - como um jogo de equipe. 
 

Você deve se perguntar: ‘Porquê equipe quando ele é um jogo 1x1?’ - O Magic é baseado em comunidade. O nome em si já diz: The Gathering - O encontro de pessoas, de amigos, onde treinam e jogam com um objetivo maior: se divertir. 
 

A LigaMagic se iniciou como uma equipe (SJC Team) e foi criada em uma época que existiam muito menos jogadores, e muito mais equipes! Quando o jogo tinha pouco suporte no Brasil, e pouquíssimo acesso a informações. 
 

Em 24 de setembro de 2001, Diogo Pires e Rafael Giovanini idealizaram um sonho e trabalharam junto com a comunidade para tornar o Magic acessível e conectar as pessoas. Nada mais justo que voltar às origens, e trazer novamente o sentimento de equipe aos olhos dos jogadores.

 

O TIME


O Maior portal de Magic: The Gathering da América latina se orgulha em anunciar a criação do LigaMagic Bolts, o primeiro time brasileiro profissional voltado exclusivamente ao Magic: The Gathering.

 

 

 

 

Com a entrada do Magic no eSports, a LigaMagic viu a oportunidade perfeita para transformar o sonho de voltar às raízes em uma realidade. “O Magic está tentando se atualizar. É um jogo criado para o papel e com o crescimento dos jogos eletrônicos houve um trabalho da Wizards of the Coast para disponibilizar o jogo também nas plataformas online.” - Nos conta Diogo. “O meio que entendemos ser o melhor para isso foi criar um time de pessoas amantes do jogo. Esta iniciativa irá ajudá-los em um sonho, além de aumentar a divulgação do jogo tornando a comunidade cada vez maior”. Já Rafael, espera que a equipe venha para engajar a comunidade: “O principal objetivo do time é fazer com que a comunidade enxergue o mesmo como uma referência, não necessariamente por serem os melhores jogadores, mas porque são pessoas que prezam pela comunidade e distribuem o conhecimento pela mesma, para que esta comunidade cresça e tenha a visão de que possa jogar e se divertir com o Magic, pois é o melhor jogo que existe.”

 

Com jogadores relevantes no cenário, tanto competitivos como casuais engajados com a comunidade, LigaMagic Bolts apresenta os atletas Danilo Modesto, Juliano Gennari, Lucas Caparroz, Lucas Vaz e Matheus Yanagiura.


STREAM

Todos os Atletas produzem conteúdo! Você pode acompanhar o nosso time em ação pelo canal oficial da LigaMagic na Twitch. Com mais de 40h de transmissão ao vivo por semana, nosso canal é uma ótima forma de você interagir com nossos atletas. Aproveite para tirar dúvidas, aprender e principalmente se divertir.

Siga nosso canal na Twitch: www.twitch.tv/ligamagic

Grade de transmissões: www.ligamagic.com.br/bolts/
 

OS ATLETAS

 

 

Juliano relembra sua entrada no magic com um deck de quarta edição comprado pelo seu pai, e seu primeiro campeonato sendo o pré release de Darksteel em 2004. “Eu continuo vivendo o Magic porque ele se tornou pra mim muito mais que um jogo. Magic são os meus amigos. Magic é o meu trabalho. Magic é a minha vida.”

Como um dos responsáveis pela criação do time, passou por diversas dúvidas na escolha: “Foi um processo bem complicado, eu sempre digo que os brasileiros no geral tem um nível muito alto de jogo, só que temos poucas oportunidades de jogar em ‘alto nível’. O ‘pool’ de candidatos era muito grande. E como o objetivo maior era montar um time, não adiantava simplesmente escolher os melhores, precisava analisar o entrosamento que essas pessoas teriam. Então tentamos escolher estilos diferentes de pessoas, e que nós soubéssemos que poderiam jogar em alto nível.”

E falando de alto nível, Juliano possui para a conta, sete Pro Tours, uma Copa do Mundo e 1 Top 8 em GP, o qual diz ser a melhor sensação que já teve jogando profissionalmente: “Eu não consegui segurar a emoção e chorei bastante, parecia que um peso gigantesco tinha saído das minhas costas e eu nunca me senti tão realizado não só no Magic como na minha vida.”

 

 

Outro jogador que já provou do cenário profissional e também joga de igual para igual com qualquer jogador do mundo é Lucas Caparroz.
A LigaMagic procurou jogadores que amam o jogo e estão preparados para atingir os mais altos objetivos, e Lucas se encaixa perfeitamente. Com quatro Pro Tours na conta e atual campeão Nacional (2019), Lucas joga Magic desde os 14 anos e sonhava em jogar um Pro Tour. Mas após conseguir, deu valor a parte essencial do Magic: “O que me mantém no jogo são as amizades que eu construí em todos esses anos, que são uma parte grande do meu meio social atualmente.”

Lucas também ressalta que, mesmo já jogando os dois campeonatos mais importantes do Magic, ainda não conseguiu um de seus objetivos “Eu ainda tenho um desejo de pelo menos fazer um top8 em GP, algo que eu não consegui ainda. Diria que meu maior objetivo hoje dentro do jogo seria essa conquista, de preferência ganhando ele.”

 

Apesar de jogar a um bom tempo, foi nos últimos anos que sua carreira teve uma evolução grande, sendo campeão Nacional e participando de varios Mythic Championships. “A diferença foi dedicação, não tem outra palavra. Eu morei em Cuiabá e no interior de São Paulo antes, que não eram polos do Magic. Quando eu mudei para São Paulo, resolvi me dedicar, participar de torneios com frequência e isso foi o grande divisor de águas, conseguindo atingir os objetivos de uma forma bem satisfatória.” E ainda sugere aos novos jogadores que querem se destacar: “O maior conselho que eu posso dar (...) é que sejam pacientes e dedicados. Magic é um jogo extremamente complexo, você precisa estudar o jogo, entender como ele funciona e isso leva tempo. Não queira atropelar as coisas, subir degrau por degrau da forma correta fará você atingir o objetivo final.”

 

 

Matheus é um jogador experiente, muito respeitado no Brasil, e está animado com o surgimento do time: “A expectativa não poderia ser mais positiva! Os membros da equipe são ótimos jogadores além de serem todos colegas do dia-a-dia do "grind". Profissionalizar a parte do jogo também ajuda muito quanto ao prestígio e reconhecimento do próprio Magic aqui no Brasil, ajudando a trazer empresas, potenciais patrocinadores e parceiros.”

Jogador competitivo desde 2003 - edição Flagelo - nós perguntamos como é sua preparação para um torneio, e a resposta não poderia ser outra: Ele joga! “Eu costumo jogar cerca de 6h de Magic por dia por conta de compromissos relacionados à stream, então mesmo ‘fora da temporada’ estou sempre jogando. O que acontece é que, quando estou próximo de um grande evento, costumo direcionar essa dose diária para o formato ou deck que vou utilizar, além de manter-me em contato com outros jogadores para captar suas percepções em relação ao formato/deck. Também jogo um pouco fora da stream e com colegas de treino no tabletop”
 
Apesar de se consagrar como Bicampeão do Circuito LigaMagic Modern, e ganhar outros tantos torneios oficiais da Wizards, Matheus afirma que não ‘se deu’ ao máximo - e também chances - para chegar no Mythic Championship: “em torneios com margens tão pequenas, com infinitos jogadores qualificados participando, e com tão poucas oportunidades (além da variância naturalmente envolvida no Magic), cada oportunidade perdida pode acabar custando muito.”

 

 


Enquanto seus parceiros estão consolidados no Magic à muito tempo, Lucas Vaz traz uma ‘cara nova’ para o time. Quando as streams de MTG Arena começaram a se popularizar, Lucas trouxe o pioneirismo que conquistou muitos fãs: “Eu comecei a jogar magic em 2009 (...) Joguei por muitos anos, mas dei uma parada. Voltei agora com o MTG Arena, que possibilitou o processo de jogar Magic muito mais fácil e popular!”

 

Em meio a tantos nomes de peso, Lucas está empolgado e cheio de expectativas: “Com certeza tem aquela pressãozinha de não ter me "provado" ainda, mas tenho que ver pelo lado positivo! Afinal, estar em um time com uma galera tão forte e experiente quanto esse só vai me ajudar a ter uma evolução mais rápida, e fazer eu me tornar um jogador muito melhor.” Lucas ainda afirma que acredita que é um grande passo para o cenário Brasileiro de MTG, e que pode gerar interesses em mais organizações/patrocinadores, movimentando e fomentando cada vez mais torneios no Brasil.

 

 

Com Magic sendo o maior hobby, Danilo joga há 16 anos - e mesmo sendo um jogador competitivo faz questão de afirmar: “continua sendo divertido e me entretendo mesmo depois de tanto tempo.”

 

Danilo possui um Top 4 em Grand Prix dentre seus melhores resultados (GP São Paulo 2017), dois top 16, top 32, 64, e é conhecido como o ‘Artista do Limited’. O título não vêm sem um porquê: Jogando apenas quatro MCQs, fez resultados extraordinários. Ganhou dois MCQs, concedeu um na final e outro perdeu no top 8. “Os MCQs da época eram torneios extremamente fortes, com os melhores jogadores do país jogando, torneios de até 200 pessoas. O apelido de ‘artista do limited’ acabou vindo depois de vários resultados consistentes e consecutivos, em um intervalo curto de tempo, já que tais resultados foram em selado/draft.” Afirma Danilo.

 

Danilo elucida que ser tão bom no limited é resultado de tempo e prática: “Naturalmente fui aprendendo e evoluindo com o tempo, mesmo não sendo essa a intenção inicial (...) Eu realmente jogava com a intenção de me divertir, porque identificava ali jogos extremamente dinâmicos e cada draft era um baralho novo, contra oponentes com baralhos novos e isso me divertia muito.”

 

Trazendo o Magic Online como uma alçada forte de seu jogo, no tabletop Danilo não deixa a desejar em outros formatos. Seu top 4 invicto foi em um GP Modern: “Um amigo próximo chegou com o deck e disse que eu poderia extrair um bom resultado do baralho. Eu confiei nele e treinei com o deck os 2 dias que antecederam o evento. Comecei o torneio ainda cometendo alguns erros, mas evolui muito durante o primeiro dia de evento e consegui me adaptar incrivelmente bem com o deck”.

 

OS PATROCINADORES
 

Nestes 18 anos a LigaMagic sempre lançou novos projetos e o LigaMagic Bolts é somente o início de novos projetos que virão. Essa iniciativa só está sendo possível graças ao apoio de três grandes lojas que investem e incentivam o Magic e a comunidade como um todo.

Apoie sempre as lojas que contribuem para o crescimento da comunidade brasileira.

Um obrigado especial aos irmãos Victor e Eduardo Goethe da Cards Store, ao André Franco (Inglês) da Epic Game e ao Igor Silva Pinto da Cards of Paradise por acreditarem neste projeto

 

 

 

E, é claro, a LigaMagic é feita por vocês! Não se esqueça disso. <3

 

Fanny Oliveira

 

Fanny Oliveira ( AnjoSerra)
Apaixonada por Magic desde 1998, com experiência em WPN e organização de grandes eventos.
Fanny também é criadora do canal AnjoSerra, Co-criadora do podcast Lorenautas, cosplayer, professora, ilustradora, designer, produtora e o mais importante: Criadora de conteúdo para a LigaMagic! =D
Redes Sociais: Youtube, Instagram, Twitter
Comentários
Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 03/10/2019 18:15

Alguém dormiu por 10 anos e n conhece e-sports

(Quote)
- 17/09/2019 09:54
Mas parabéns a equipe!
Esperamos bons resultados!
(Quote)
- 17/09/2019 09:52
Vc não joga "a" muito tempo, vc joga "há" muito tempo
(Quote)
- 16/09/2019 12:22
Acho muito bom ter um time brasileiro para representar.
Só não gostei do nome.
Do mais desejo boa sorte e que dê certo.
(Quote)
- 16/09/2019 09:30
A iniciativa é boa, mas tanto já foi comentado em diversos fóruns e tópicos a falta de uma mulher no grupo novamente mostra que mais uma vez foram esquecidas.
Últimos artigos de Fanny Oliveira
Anúncio: Challenger Decks 2020
Teremos Challenger Decks em 2020.
7.069 views
Anúncio: Challenger Decks 2020
Teremos Challenger Decks em 2020.
7.069 views
18/12/2019 14:19 — Por Fanny Oliveira
Pioneer - Banidas e Restritas - 02/12/2019
Lista de Banidas e Restritas atualizadas em 02/12/2019
9.184 views
Pioneer - Banidas e Restritas - 02/12/2019
Lista de Banidas e Restritas atualizadas em 02/12/2019
9.184 views
02/12/2019 20:31 — Por Fanny Oliveira
Banidas e Restritas - 18/11/2019
Anúncio do dia 18 DE NOVEMBRO DE 2019
20.160 views
Banidas e Restritas - 18/11/2019
Anúncio do dia 18 DE NOVEMBRO DE 2019
20.160 views
18/11/2019 13:03 — Por Fanny Oliveira
Pioneer - Banidas e Restritas - 11/11/19
Atualização da lista de Banidas e Restritas de Pioneer em 11/11/2019
9.455 views
Pioneer - Banidas e Restritas - 11/11/19
Atualização da lista de Banidas e Restritas de Pioneer em 11/11/2019
9.455 views
11/11/2019 20:15 — Por Fanny Oliveira
TOP 8 Decklists - Mythic Championship VI (Richmond)
Decks dos jogadores que fizeram TOP 8 no Mythic Championship VI (Richmond)
11.166 views
TOP 8 Decklists - Mythic Championship VI (Richmond)
Decks dos jogadores que fizeram TOP 8 no Mythic Championship VI (Richmond)
11.166 views
10/11/2019 07:45 — Por Fanny Oliveira